(Re)escrever

MENU

 Esta exposição reuniu toda a investigação histórico-urbana realizada e apresentou as práticas artísticas deselvolvidas nos 3 bairros no âmbito da atividade Transcrever

A exposição “Transcrever: Ações Participativas nos Bairros Sociais de Braga” decorreu entre 10 de março e 28 de abril de 2018 na Casa Esperança, em Braga. Propôs transcrever uma nova história e tornar visível as realidades socioculturais dos bairros sociais de Braga e das suas comunidades. Deste modo, reuniu não apenas o material de arquivo e a investigação histórico-urbana referente aos bairros sociais de Braga, mas também todo o processo e resultados abertos das práticas artísticas e interventivas desenvolvidas ao longo de um ano (2017-2018) in situ com os seus moradores, como: “Os Monumentos do meu Bairro: Oficina de Fotografia“; “Construir o meu Bairro: Oficina de Maquetas Coletivas”; “Documentar o meu Bairro: Oficina de Vídeo”; “Sons do meu Bairro: Oficina de Paisagens Sonoras”; “Diz-me Tu: Histórias Socioespaciais de Mulheres dos Bairros Sociais de Braga” e “Transcrever Summer Lab 2017: Práticas Socioespaciais nos Bairros Sociais de Braga”. A exposição pretendeu fomentar interpretações alternativas e críticas face às problemáticas contemporâneas existentes, não apenas sobre estes bairros específicos de Braga, mas também sobre outros, com o intuito de abrir espaço para o questionamento, para o diálogo e para o debate sobre as atuais políticas de decisão urbana, as metodologias de gestão e atuação social, e as ações de integração étnico-social.

O fórum foi um evento integrado na programação da exposição, que decorreu no dia 28 de abril de 2018. Para este fórum, foram convidados diversos intervenientes dos bairros sociais de Braga — moradores, representantes das associações locais e comissão de moradores, membros da BragaHabit e representantes do Município — para se reunirem à volta de uma mesa localizada no centro do espaço expositivo, de modo a debater, num registo informal, as problemáticas inerentes a cada um destes bairros. Este fórum foi moderado pelos Space Transcribers e estruturado seguindo cinco questões previamente estabelecidas por este grupo.